segunda-feira, 17 de junho de 2013

Músicas de protesto em todo o Brasil, Junho de 2013



Toda manifestação tem sua suas músicas que mais cedo ou mais tarde vão ser construídas ou apropriadas para uma nova situação. Esse pequeno Artigo será constantemente atualizado pois surgem novas canções todos os dias. Músicas novas recém-criadas e antigas que ainda são usadas. É certo que o ser humano necessita da arte para representar seus sentimentos, é um animal musical e cultural. A música ou a criação de marchinhas durante os protestos sempre é a melhor manifestação artistica para o momento, onde todos podem cantar em coro, juntos, com refrões simples que pode estar facilmente na boca do povo em qualquer lugar e a qualquer hora. Resolvi listar algumas manifestações musicais que aconteceram nesses dias, como forma de registrar a música que fez parte de todo o protesto no Brasil. Lembro mais uma vez que essa postagem será constantemente atualizada conforme for tomando conhecimento de mais canções.





Vem pra Rua.


Falcão
Uma banda que sempre foi conhecida por suas letras de forte impacto social, surpreendeu quando Falcão junto com a banda, foram contratados para interpretar a composição de Henrique Ruiz Nicolau, para uma campanha da Fiat com a música “Vem pra Rua” onde a letra convoca a torcida brasileira a ir para a rua torcer. “porque a rua é a maior arquibancada do Brasil”. Após algumas montagens feitas com a música envolvendo imagens dos protestos que ocorreram no dia 13 em São paulo a montadora resolveu terminar a campanha alegando que já havia uma data limite.
"Vem pra rua" foi composta por Henrique Ruiz Nicolau, de 30 anos. E ele não esperava a mudança de foco da música
"Falcão, por meio de sua assessoria, disse que não vai comentar a canção. Ele apenas foi contratado para "colocar a voz" na música, sem ter participado da criação."
(http://g1.globo.com/musica/noticia/2013/06/criador-de-vem-pra-rua-comenta-uso-da-musica-em-protestos.html)



Cinelândia
Daniel Gonzaga
Embora ainda não tenha ganhado muita visibilidade, no dia 15 de junho foi lançada a música “Cinelândia” , a música fala sobre as manifestações no Rio, a letra vai ser lançado no livro do poeta Pedro rocha e tem a participação do Daniel Gonzaga (filho do Gonzaguinha).

https://soundcloud.com/desembrulh0/cinel-ndia-amora-p-ra-daniel




As coisas não caem do céu

Leoni
O músico Leoni no dia 16 divulgou sua música de apoio aos protestos no Brasil, na integra direto do site do músico:
“Uma democracia funciona quando seus cidadãos estão contentes o bastante para não ir às ruas; quando o fazem, é sinal de que alguma coisa não está certa.” Clay Shirky

Escrevi “As coisas não caem do céu” para lembrar que só a ação modifica o mundo. As pessoas na rua disseram isso de forma muito mais impactante e coletiva. Esse vídeo, feito em família, é a nossa forma de demonstrar nosso orgulho por todos que estão se manifestando e tomando posse do país para todos nós.

Espalhem, compartilhem. Não há nenhum direito reservado.

Carolina, Luciana e Leoni 

Não vai Haver Amor Nessa Porra Nunca Mais (Mixtape)
Publicado no dia 17 de Junho, partiu da galera do site “Alt News Paper” a iniciativa de criar uma mixtape com “uns sons do protesto”. Fizeram essa coletânea para fazer as pessoas refletirem que não é por 20 centavos!
Disponível para baixar, a Mixtape conta com músicas de diversos grupos como Racionais Mc´s, Dead Fish, Lobotomia, Sick Terror, Ratos de Porão e outros.

para baixar

Hino nacional Brasileiro
Uma das músicas mais cantadas durante o protesto, música de Francisco Manuel da Silva (1795-1865) e letra de Joaquim Osório Duque Estrada (1870-1927). Franscisco foi aluno de José Maurício Nunes Garcia e de Sigismund von Neukomm. O Hino nacional Brasileiro foi adquirido por 5 contos de réis em 1909. Ver essa música ser cantada por uma multidão na Paulista do dia 17 foi de arrepiar.



Nélson Biasoli

Sou Brasileiro
Criada por Nélson Biasoli, nascido em Tambaú em 1931, é autor de mais de 500 composições, sendo um recordista na criação de Hinos.
O trecho faz parte da música “Grito de Guerra”, de sua autoria. A música sempre foi usada em jogos do Brasil, mas dessa vez esteve presente na boca dos manifestantes.


PRE PA RA
Da original de MC Anitta, no Rio de Janeiro acabou ganhando uma versão de protesto, foi sendo apropriada e adaptada até que a própria autora fez a versão em homenagem aos protestos.
Conforme Anitta divulgou no Instagram

















Aqui a versão Original







Até quando
Música de Gabriel Pensador, ainda não sei porque ela não foi citada, mas ela representou muito da insatisfação antes de todos se revoltarem. Gabriel pergunta: até quando você vai ser saco de pancada?
Acho que Gabriel estava prevendo o gigante surgindo.


E não é que o próprio Gabriel Pensador nos fez lembrar dela na sua página do Facebook? com os versos da música recitados em um novo vídeo.
https://www.facebook.com/photo.php?v=585393871506855

Direto da fã page do Gabriel na integra:
Liberdade de expressão aqui? Ha! Não existe! / Não vamos nos intimidar / Chega de ser prego, é melhor ser o martelo, rapá! / "É geração cara-pintada?" / Não, jovens em geral, caras pretas, coroas, pessoas, malucos e caretas / Entrem nessa união / Não seja um imbecil meu irmão / Põe a mão na cabeça / Pára pra pensar: / Nós temos o poder de abalar.

(Essa letra, Abalando, tem 20 anos, e eu achava que pouca gente, e cada vez menos, pensava como eu, que escrevia músicas e panfletos solitários antes de surgir a internet. Que bom que eu estava enganado, e estou tão BEM ACOMPANHADO!)



Adagio in D minor.
John Murphy
Obra do compositor John Murphy, compositor inglês de filmes, com alguns trabalhos para os filmes do diretor Danny Boyle. Sua música foi usada em filmes como 28 days Later e Sunshine. Em Sunshine o Adagio é chamado de "The Surface of the Sun".
Essa música é constantemente utilizada no fundo de montagens feitas na internet, e mais uma vez ela apareceu na declaração do Anonymous Brasil, na declaração das 5 causas pela qual todos devem lutar.
Adagio in D minor pode ser traduzido como Adagio em D menor, ou seja, Adagio (um movimento lento) no tom de ré menor.




O vídeo sobre as 5 causas
http://www.youtube.com/watch?v=v5iSn76I2xs

Adagio in D Minor



Que país é esse?
Sim! A galera do Eletro Funk fez um cover de Legião Urbana com a música "Que país é este?", sucesso do seu terceiro álbum lançado em 1987 e escrito por Renato Russo. A letra critica claramente a corrupção, e se encaixa bem no contexto atual. Lembrar que o original se chama "Que país é este" e a versão funk foi escrita como "Que pais é esse", foi erro ou proposital?
É certo que a versão levantou o furor de muitos fãs de Legião Urbana, é só ver pelo número de "deslikes" do vídeo e os comentários. Gostando ou não a versão está ai fazendo parte das músicas voltadas em apoio aos protestos de Junho. Ela foi lançada na madrugada do dia 19 para o 20 de Junho.
A versão foi cantada por MC Siri, MC Mayara, Ed Leymond e Deize Lorreto

O video ainda ganha um trecho de Karl Marx
"Tudo o que era sólido se desmancha no ar, tudo o que era sagrado é profanado, e as pessoas são finalmente forçadas a encarar com serenidade sua posição social e suas relações recíprocas"
Karl Marx



O Gigante
Oportunismo ou não, o Latino resolveu também lançar um hit sobre os protestos! Ele foi extremamente criticado antes mesmo de lançar o Hit, e vejam só, pelos próprios fãs. Embora a música fale um pouco do protesto ela é dançante e claramente é pra ser um hit para dançar, não sei se da para levar a sério.

O efeito é claro, haverão oportunistas baratos, se os próprios fãs do cara já disseram isso, quem sou eu para dizer o contrário...
Tirando isso, é apenas mais uma música para dançar ao estilo Latino de ser. Amem ou Odeiem ela está ai.
A música foi lançada no dia 21 de Junho, um dia após a maior manifestação que o Brasil já teve, e também uma das mais violentas, acho que a música do Latino em nada combina com o clima de revolta que paira por hoje.

http://www.kboing.com.br/latino/1-1154630/




Manifestações na Copa das Confederações 2013.
Música que foi feita há um ano atrás (nos meados de 2012) pela banda carioca de Rapcore, criticando a Copa e as Olimpíadas no Brasil, exigindo transparência nos gastos exorbitantes.
Segundo a própria banda:

"Não existe anti-capitalista aqui. Existe sim uma pessoa que não concorda com nossos líderes.
Não há problema nenhum com o capitalismo, meu amigo. Há problema numa melhor oferta de educação, na roubalheira, nas obras superfaturadas, ou seja, na forma que o "sistema" é conduzido pelos nossos políticos."







Isso é Brasil
Realmente o movimento do Funk tem se mostrado fortemente presente, muito mais que a MPB que marcou as músicas de protesto da década de 60. Embora muitos tenham preconceito com o estilo, ele está ai firme para mostrar que Funkeiro tem consciência, informação e cultura sim! E muitas vezes eles estão mais conscientes que muito bacana metido a intelectual.
Garden Rocha da Silva é o MC Gardem, ele é da Zona Sul de São Paulo.
A música foi publicada nesse link no dia 19 de junho, mas no Soundcloud, mostra que ela é mais velha  e tem a participação de DJ Vinicius Boladão.






Pra baixar
https://soundcloud.com/garden-rocha-da-silva/mc-garden-isso-e-brasil-2014
A pagina do MC Garden
https://www.facebook.com/pages/Mc-Garden/434234886595090?ref=hl


R$:0,20

Lançado o clip no dia 21 pela banda Valetes. A banda nasceu em Bauru em 2006 com o nome de Crossfire, mudando o nome para Valetes em 2009 e assumindo uma levada britpoprock (abreviação de British pop). A música é diretamente relacionada aos protestos usando trechos das manifestações. O single teve apoio do Rapper JF. "Não é por vinte centavos, são duzentos milhões de brasileiros revoltados contra um bando de ladrões".

site da banda:
www.valetes.com.br

Fã page:
https://www.facebook.com/valetesoficial?fref=ts

  

Moldura do Quadro Roubado

 O Músico Guilherme Arantes também fala sobre os protestos, sobre as ilusões, eleição e falência de escolas e hospitais. A Música é parte do seu novo álbum lançado em 2013 "Condição Humana".

Até Quando Brasil-Colônia?

Música feita pelo grupo Oriente. O grupo nasceu é de Niterói e nasceu em 2009. Além das composições próprias a banda também trabalha com rimas de improvisos, chamado de "freestyle".
O grupo também usa trechos de noticiários e um discurso inflamado da Deputada Cidinha Campos.

Site da banda:
http://orienterj.com/

Fã Page:
https://www.facebook.com/orientese?fref=ts

 

Povo Novo
Tom Zé
Nova música de Tom Zé, que lançou no dia 25 de Junho o seu apoio aos protestos no Brasil, a música foi feita em parceria com Marcelo Segreto, e tem créditos a Marilia Moscou.
A letra fala sobre os últimos acontecimentos dos protestos.

http://revistaogrito.ne10.uol.com.br/page/blog/2013/06/25/tom-ze-lanca-musica-sobre-os-protestos-no-brasil/










Chega

Nova Música do Seu Jorge, a letra não diz nada além do que todas as outras disseram, eu só não entendo porque é tão fácil identificar uma música simples sem muito conteúdo num Latino do que no Seu Jorge. Bem essa é minha critica pessoal, vejo que muita música tem uma mensagem realmente forte, e outras são genéricas... a diferença de Latino para Seu Jorge é que o segundo tem o escudo da MPB.
Seu Jorge é um reconhecido músico, e considerado bom por muita gente, por essa razão esperava mais dele...






PRÓ-T3XTO - V/A

É uma coletânea organizada por Tiago Malta, com uma grande diversidade de artistas, cada qual representando a sua forma o protesto, criticando ou apenas com o som expressando seu apoio, indignação e grito de protesto.

"A massa sonora que se equipara as massas humanas nas ruas, a massa sonora a principio desorganizada, ruído e barulho que se comparam então ao som da multidão, desorganizado que através de um puxador tenta se organizar em uma direção. "




Para Baixar
ou
ou

Manifestos

Música feita por Daniel Goés, violonista, compositor e vocalista da banda Tapet Red, deu sua contribuição ao estilo pop/Rock, voz e violão.
"Eu vi os jovens velhos,eu vi os velhos jovens a se encontrar" fazendo a referência a todas gerações que estiveram nos protestos, inclusive dos "jovens" de 68. Daniel também faz referência a chamada "primavera" brasileira.




Vídeo do Youtube
http://www.youtube.com/watch?v=XMgXP5QVTcI


A Procura da Paz
Mesmo no campo da música Gospel tivemos contribuições para as manifestações. A música foi composta por Mahatma JD Barros e teve acompanhamento da banda Filhos da Promessa. É um Reggae que mistura uma homenagem as manifestações com um pouco do espírito da música Gospel.

https://soundcloud.com/mahatma-jade-barros/a-procura-de-paz





Pronto pra tomar o poder
Grupo de Rap carioca "CONE Crew Diretoria" surgido em 2006. a Sigla CONE é uma paródia a sigla CORE (Coordenadoria de Recursos Especiais), que é uma unidade especial da Polícia Civil do Estado do Rio de Janeiro. O grupo retrata o cotidiano das classes baixas. Nessa música falam da luta dos protestos e são mais agressivos quando falam de uma luta mais direta onde estão prontos para "tomar o poder" e "prontos pra morrer". também afirmam a "fé na vitória". O jogo de palavras é muito interessante. A música tem participação de Marcelo Yuka.






O Gigante Acordou
Música do MC Daleste, cantor e compositor de funk ostentação e rap, alguns o chamavam de Rei do Funk ou de Pobre louco por causa de uma música chamada "pobre loco", que é o nome de um grupo (? parece ser um grupo de Mcs e amantes de rap) . Iniciou a carreira em 2009, trabalhava em parceria com MC Guimê. Daleste foi assassinado no dia 7 de julho de 2013 em um show em Campinas. Daleste também havia feito uma música em homenagem aos protestos.



A Voz do Brasil

Da banda "A Dama & O Vagabundo", formado por Ailla Rennó e Vagner de Jesus, começaram em 2010, misturando Rock and Roll e MPB. Os músicos são de Betim- Minas Gerais
A mistura de Rock com MPB lembrou um pouco aquelas bandas como Barca do Sol, a música Voz do Brasil se divide em duas partes, sendo uma na levada MPB e outra mais puxada para um Rock pop.






Contatos da banda:

https://www.facebook.com/pages/Dama-Vagabundo/155914077910465

E mail: contato@damaevagabundo.com.br


PARA O FIM DO ANO
As músicas continuarão a ser produzidas, é interessante observar como elas mudaram seus aspectos, com mais tempo para a reflexão e uma critica mais elaborada, o distanciamento do fato histórico tem dessas vantagens.


Brasil descobriu o Sérgio Cabral


Foi inaugurado o Canal Alfa Beto no youtube, um Canal que tem a proposta de fazer videos e músicas de arte, com criticas. Assim como muitos movimentos, canais, grupos, nasceram como reações criticas aos eventos de Junho.
A música é uma marchinha de Carnaval com critica ao Governo de Sérgio Cabral e a truculência policial. Eles estão inscritos nas Marchinhas da Fundição progresso para 2014, agora é torcer e esperar.  A marchinha foi lançada no Youtube no dia 01/09/2013, o personagem da marchinha é
"Lamartine Brabo, aquele que senta o porrete com suas marchinhas de carnaval."


Hino à Rua -- Canção dos protestos de 2013

O coletivo Baderna Midiática que leva o nome da bailarina Maria Baberna, é um coletivo surgido nas manifestações de junho e julho, tem como proposta fazer uma mídia independente. Fizeram uma mistura de poesia e música tendo como foco as manifestações de Junho. A música fala sobre a rua, e como podemos conquistar muito ao estar nela, protestando, a música é intercalada por um manifesto.

você pode ouvir a versão compacta sem os versos, clicando aqui.
"A música produzida pelo coletivo foi inspirada na canção “Il Ribelli Della Montagna”, um clássico da resistência italiana ao fascismo. Durante o vídeo, um poema é declamado exaltando a rua como espaço de ocupação popular e lembra o “transporte desumano, de carne humana, pra ser moída e desossada no trabalho.” (http://revistaforum.com.br/blog/2013/08/musica-e-video-sobre-protestos-de-junho-fazem-sucesso-na-rede/)



Do Paes ao Cabral

A banda Los Vânda é uma banda com integrantes anônimos que surgiu no Rio de Janeiro, fazendo ótimas paródias com letras de critica ao Governo de Sérgio Cabral, todos usam mascaras, fazendo referência aos Black Bloc. Com muito humor dizem que sao uma banda de "vandalirismo". Essa música é uma paródia de "Do Leme ao Pontal" de Tim Maia.

escute a música no link
https://www.youtube.com/watch?feature=player_embedded&v=h2DfvoJ8fBg

Também vale a pena ouvir a hilária "Brincar de Índio" uma paródia com a música da Xuxa.
https://www.youtube.com/watch?v=rgHu-JZZU8w#t=29

Movimento
Nova música de Mc Garden com o humorista Rafinha Bastos, foi lançada no dia 13 de dezembro de 2013, em uma sexta feira 13. Basicamente falam de todos os problemas do Brasil que já foram falados antes, ou mesmo que o próprio Garden já havia criticado em sua música anterior.
mas fica a dica # não esqueça de 2013.






Se conhecer algo, envie para a gente, podem me enviar diretamente no facebook



FONTES
Vem pra Rua

Leoni

6 comentários:

  1. A musica do Protesto foi lançada
    https://soundcloud.com/mahatma-jade-barros/a-procura-de-paz

    ResponderExcluir
  2. vejam essa daqui:
    http://www.youtube.com/watch?v=kOs4ej1xk_4

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fala Vagner, Obrigado pela colaboração, se possível me manda links de contato, pagina com alguma descrição do grupo para poder divulgar melhor vocês na postagem =)

      Excluir
  3. opa!
    ótimo post!

    a banda excambau! vem se manifestando desde 1996 e seu disco de 2008 praticamente foi todo escrito em cima da temática tb... vale o link para conferir =D

    http://migre.me/fAjFL

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Valeu JOh, vou dar uma pesquisada e colocar algo da banda na próxima atualização, se tiver alguma bio da banda me envia, abraços.

      Excluir
  4. Gostei muito da matéria e gostei mais ainda de ter a honra de ver a exposição de um trabalho aqui.

    ResponderExcluir