quinta-feira, 20 de dezembro de 2012

O que ouvir no Fim do mundo?



Já pensou no que ouvir enquanto a terra explode?


Galera sei que o tema já está enchendo o saco, nunca um fim do mundo foi tão anunciado e conhecido por todos! Será culpa do maior número de pessoas conectadas e uma maior interatividade da internet ? O Facebook é uma das redes sociais tops hoje em dia, e só se fala nisso...
Foi pensando nesse fim do mundo que ninguém aguenta mais ouvir que resolvi separar algumas trilhas sonoras..

A primeira música que me vem a mente quando se fala desse tema é “O último dia” de Paulinho Moska; quer letra melhor que represente exatamente esse momento de paranoia mundial? Então me diz meu amor o que você faria se só te restasse um dia? Paulinho Moska dá algumas opções interessantes, mas me pergunto: porque esperar o último dia para fazer o que tinha vontade? Afinal o mundo acaba para quem morre, se soubéssemos que seria o último dia de nossas vidas faríamos a mesma coisa? O mundo acaba todos os dias para muita gente. Claro que muitas coisas que Paulinho Moska faria no seu último dia de vida não são muito boas, alias você pode se complicar demais se o mundo não acabar!



Vamos pensar no fim do mundo como de positiva: tomar coragem para fazer coisas que não faria, mas sempre respeitando a vida dos outros! talvez seja hora de pensar sobre isso... mas e o lado negativo? Sim tem muita coisa ruim, desde a paranóia até o consumismo em cima da temática, como filmes e até livros de sobrevivência! Por favor, se o mundo acabar não vai ser esses livrinhos que vão te ajudar.

O dia em que a terra parou! Do nosso querido Raul Seixas, depois de ter um sonho em que a terra parou, ele conta que todas as pessoas resolveram ficar em casa, não sair pra trabalhar, não comprar, não prender e nem roubar, ou seja, com tudo parado os problemas se acabam, incluindo a solução para as guerras pois o soldado não tinha quem combater, porque sabia que o inimigo não estava lá! Parece uma solução simples não? Um grande detalhe da música é que Raul afirma que é um sonho e não um pesadelo! Ele acaba com seu maravilhoso sonho apenas acordando, o fim de um mundo supostamente perfeito.



Passando dia 21 todos se darão conta que o mundo não acabou!
Na música “E o mundo não se acabou”, diz exatamente o que está acontecendo agora, do “disse que me disse”, pessoas despindo de suas falsas aparências e mostrando seu lado mais obscuro! Talvez esse fim do mundo seja bom para ver quem são as pessoas de verdade, melhor de tudo é ver a cara delas um dia depois do fim do mundo!
Essa música é original de 1938 de Assis Valente (era um Chorinho), foi interpretado pro Carmem Miranda e regravado por Paula Toller em 2008 e Adriana Calcanhoto. Tem uma ótima versão com Ademilde Fonseca a "Rainha do chorinho".



Isso ai galera se você acordou no dia 22 achando que estaria no céu, mas ainda se encontra no inferno da terra, bem você acordou com um enorme nariz vermelho de palhaço no nariz. Imagino como o espirito de alguns Maias estão a gargalhar nesse dia.
Fica um último pensamento:
O bom de sacanear alguém que acredita nesse fim de mundo, é que poderá tirar sarro dele depois do dia 21, mas se o mundo acabar ninguém vai poder dizer que você estava errado.




Nenhum comentário:

Postar um comentário